• Matheus Lima

Veja o que se sabe até agora sobre o Rock in Rio 2021

Atualizado: Set 13

No próximo ano a Cidade do Rock será erguida em Lisboa e no Rio de Janeiro

Fogos iluminam o céu da Cidade do Rock. (Imagem: I Hate Flash)


A pouco mais de um ano para o próximo Rock in Rio, as especulações em torno da nona edição do festival no Rio de Janeiro estão à flor da pele. Além dos nomes que irão compor o line-up, muito é questionado sobre a maneira de como um evento de proporções gigantescas, que reúne um público de 100.000 mil pessoas em cada um dos sete dias de festa, acontecerá na sequência de toda essa situação que a sociedade enfrenta.


Siga o On Backstage no Instagram e receba em tempo real as últimas atualizações sobre o Rock in Rio 2021.

Devido à pandemia de coronavírus, o futuro dos shows e festivais é algo a ser visto com o máximo de cautela possível, uma vez que, até o momento, não há uma solução, ou controle, definitivo do vírus que assola todo o planeta.


Tod+s Por Um Mundo Melhor


Desde a sua primeira edição, em 1985, o festival atua na construção de um mundo melhor, incentivando o público a mostrar o poder de transformação que cada um tem dentro da sociedade. Esse histórico nos credibiliza de que, ainda que haja duas edições confirmadas para 2021, caso a segurança esteja em risco, todas as medidas necessárias serão tomadas.


Como não se constrói um megafestival da noite para o dia, tudo vem sendo planejado.


Publico na grade do Palco Mundo. (Imagem: I Hate Flash)


A construção quase que simultânea do Rock in Rio e Rock in Rio Lisboa


O trabalho da organização é consecutivo. Termina uma edição no Rio de Janeiro e outra precisa ganhar vida no outro lado do Atlântico, em Lisboa, Portugal. A edição brasileira demanda ainda mais esforços, afinal, são 7 dias de festival (3 a mais que em Lisboa), uma Cidade do Rock com 385 mil m², 14 horas de música ininterruptas e mais de 250 artistas escalados.

Uma edição é finalizada, outra começa e no meio de tudo isso, a próxima precisa ser arquitetada. Contratos, patrocínios, licitações e todos os trâmites burocráticos precisam ser resolvidos. Com esse ponto em vista, planejar o festival para 2021 é uma questão de organização necessária, que demanda tempo, extremo cuidado e uma ampla visão de cenários. E é isso que vem sendo feito.

2021 é ano de duas edições


Em 2021, a Cidade do Rock tomará forma primeiro em Portugal, no Parque da Bela Vista, para a nona edição do Rock in Rio Lisboa, reagendada para os dias 19, 20, 26 e 27 de junho. Alguns artistas já estão escalados, são eles Foo Fighters, The National, Liam Gallagher, The Black Eyed Peas, Ivete Sangalo, David Carreira, Xutos & Pontapés, Anitta e HMB.

Na sequência, a Cidade do Rock será erguida onde tudo começou para valer, no Rio de Janeiro. No Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, acontecerá a maior edição do Rock in Rio em 35 anos de história, com um line-up que promete fazer jus ao maior festival de música e experiências do mundo. As datas e novidades serão anunciadas muito em breve.


O line-up está sendo montado

A expectativa é a melhor possível e uma coisa é certa: a organização está de olho em todos os pedidos do público. Com várias especulações rolando, é válido ressaltar que caso a informação não esteja vinculada nos canais oficiais do festival, ela é apenas um boato.

Em 2019, a Live Nation, uma das produtoras mais importantes do segmento do entretenimento ao vivo, ampliou o controle sobre o Rock in Rio. Em seu catálogo, alguns dos maiores artistas do planeta, incluindo Lady Gaga, Coldplay, Rihanna, Bruno Mars, Ariana Grande, The Weeknd, BTS, Aerosmith e Post Malone. Tudo é possível.


Em entrevista ao jornal O Globo, Roberta Medina, VP Executiva do Rock in Rio, afirmou que gostaria de trazer Bruno Mars.


Até o momento, Alok é o único nome confirmado para subir no Palco Mundo.

Mas e o Justin Bieber, Iron Maiden, Post Malone e Queen?

O jornalista José Norberto Flesh, conhecido por trazer novidades em primeira mão sobre o showbusiness, deu como certa as apresentações de Post Malone, Iron Maiden e Queen no evento.

Já o colunista do jornal O Globo, Ancelmo Gois, afirmou que o canadense Justin Bieber será confirmado em breve.

A organização do Rock in Rio não se pronunciou em ambos os casos. Portanto, são apenas especulações.

Todos os cenários estão sendo analisados



Em uma live promovida no Instagram da Curseira, uma das responsáveis pelo curso de gestão How to Rock in Rio, Luis Justo, CEO do festival, afirmou que todas as possibilidades sobre a execução do evento estão sendo pensadas e cenários estão sendo desenhados. A segurança e a saúde do público, e de todos aqueles que fazem o festival acontecer, é prioridade máxima.


No mesmo bate-papo, Justo aproveitou para falar que a edição futura é sempre a maior e melhor.

Espaço Favela será ainda maior

Em entrevista ao jornal O Globo, Roberta Medina aproveitou para dizer que o Espaço Favela foi "um sucessão" e que para a próxima edição, ganhará uma dimensão maior.

Saia na frente com o Rock in Rio Club


Se você é daqueles que vibra a cada nova edição do Rock in Rio e espera ansiosamente para viver o festival ao vivo e a cores, na Cidade do Rock, uma novidade super especial. Agora, o Rock in Rio Club, o clube de vantagens exclusivas do evento, está disponível em duas categorias: e Rock Star.

As diferenças vão muito além do preço. A categoria Rock Star, por exemplo, já garante o Club Fã para a edição de 2023 e permite que o membro participe de um sorteio de ingressos vitalícios. Para isso, é preciso desembolsar o valor de R$ 599,00.


Preparamos um conteúdo explicando todas as vantagens e como aproveitá-las. Leia a matéria clicando aqui.


Prepare-se para o Rock in Rio 2021 no On Backstage


Cidade do Rock. (Imagem: I Hate Flash)

Um novo Rock in Rio vai tomar forma. Aqui, no On Backstage, você fica por dentro das últimas informações sobre o festival. Artistas, atrações e tudo o que você precisa saber para viver o maior Rock in Rio de todos os tempos.

Em 2021 a Cidade do Rock vai ser nossa outra vez.

#RockinRio #RockinRio2021

Bastille
Fade_edited.png