top of page
  • Matheus Lima

The Weeknd faz show colossal no Rio com setlist eletrizante e megaestrutura

Atualizado: 23 de out. de 2023

Espetáculo de tirar o fôlego é minuciosamente coreografado e potencializa em sequência eletrizante toda discografia do canadense


The Weeknd durante show no Rio neste sábado (07) — Foto: Lucas Tavares/O Globo


A "After Hours Til Dawn Global Stadium Tour" é uma experiência colossal que eleva The Weeknd a patamares exuberantes, consolidando-o como uma das maiores potências em turnês ao vivo.


Sob uma chuva persistente, o canadense criou uma atmosfera catártica na noite deste sábado (07) no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro, que estava repleto por multidão eufórica de 61 mil pessoas. Com uma sequência impressionante de seus maiores fenômenos, o artista conseguiu despertar emoções intensas e proporcionar uma experiência única e épica para todos os presentes.


Espetáculo visual arrebatador


The Weeknd durante show no Rio neste sábado (07) — Foto: Lucas Tavares/O Globo


A monumental megaestrutura, com impressionantes 54 metros de largura e uma passarela estonteante de 90 metros, elevou cada momento do setlist a um espetáculo avassalador, amplificado por efeitos visuais, incluindo mais de 1.000 canhões de lasers, uma deslumbrante exibição de luzes e espetaculares explosões de chamas. No final da passarela, uma imponente escultura em crómio do artista japonês Hajime Sorayama ressaltava a dimensão de tudo. Cada ato, minuciosamente coreografado, foi executado com maestria, resultando em transições vibrantes que arrancavam gritos de entusiasmo.


Setlist eletrizante reuniu os maiores fenômenos e surpresas


"La Fama", com Rosalía, introduziu a explosiva "False Alarm". Na sequência, "Take My Breath" fez o público sair do chão e se entregar de vez. Foram mais de 40 músicas performadas em pouco mais de 2 horas de um setlist de tirar o fôlego. Hits que ergueram Abel ao topo, como "Can't Feel My Face" e "The Hills", que conta com uma transição espetacular com "Hurricante", de Kanye West, hipnotizaram a multidão. Já "Love Me Harder", brilhante parceria com Ariana Grande, foi uma das maiores surpresas da noite. Performada em um dos momentos mais intensos da chuva, o cantor relembrou que a música não era tocada há mais de dez anos. Já em “Out of Time” , The Weeknd desceu do palco e foi cantar com a galera que ocupava uma das grades do palco.


Pulseiras que brilham, no estilo Coldplay, foram distribuídas na entrada do Estádio. Embora não façam parte integral do show, cumprem o seu papel em momentos certeiros, como na delicada "I Feel It Coming" e na potente "Die for You".


"WHAT A SHOW"


É brilhante a forma como as faixas tomam forma ao vivo e se conectam com o público. É por isso que a "After Hours Till Dawn Tour" segue esgotando ingressos nos maiores estádios mundo afora. Cada segundo é brutalmente insano.


A magnífica "Blinding Lights" foi cantada a plenos pulmões. Na sequência final, "Popular" e "In Your Eyes" abriram as portas para "Moth to a Flame", que encerrou de maneira estrondosa a passagem histórica de The Weeknd no Rio de Janeiro. O cara é um magnata das turnês. "WHAT A SHOW", compartilhou o canadense em suas redes sociais. Perplexo com a experiência, repito o mesmo, mas em tom incrédulo (no melhor sentido da palavra): que show foi esse, Abel?


Setlist The Weeknd no Rio de Janeiro, 07 de outubro


LA FAMA (INTRO)

FALSE ALARM

PARTY MONSTER (keyboard)(FIRE)

TAKE MY BREATH

SACRIFICE

HDIMYLM

FEEL MY FACE

LOST IN THE FIRE

HURRICANE (SMOKE)

THE HILLS (FIRE)

KISSLAND

OFTEN

CREW LOVE

STARBOY

PRAY FOR ME

HOB

HEARTLESS

LOW LIFE

REMINDER (FIRE)

CIRCUS MAXIMUS (keyboard)

FAITH (FIRE, BUILDINGS ONLY) AFTER HOURS EARNED IT IN THE NIGHT LOVE ME HARDER OUT OF TIME FEEL IT COMING DIE FOR YOU IS THERE SOMEONE ELSE I WAS NEVER THERE WICKED GAMES CALL OUT MY NAME THE MORNING SAVE YOUR TEARS LESS THAN ZERO BLINDING LIGHTS TEARS IN THE RAIN CREEPIN POPULAR

IN YOUR EYES MOTH TO A FLAME


Commentaires


bottom of page